Comissions - A Polêmica sobre a venda de artes originais!


por Vinicius A. Oliveira

É sabido que o universo Nerd de Quadrinhos, Games e afins teve um explosão de popularidade com o advento da internet no início dos 2000 e essa disseminação da informação possibilitou que artistas que produziam estas obras se tornassem mais conhecidos e até estrelas do dia para à noite.
No caso que nos focaremos aqui que são os quadrinhos, o crescimento do interesse do público pelos artistas que produziam seus amados quadrinhos e o mercado de artes originais desses ilustradores foi uma questão de tempo.

Frente a este interesse de leitores e fãs, muitos artistas de 1ª linha das editoras começaram a dedicar parte de seu tempo a produzir artes encomendadas pelos fãs mediante a um pagamento considerável, ou simplesmente colocar e leilões como Ebay suas artes originais para as revistas que trabalharam. Hoje essas obras comercializadas por artistas profissionais são chamadas “Comissions” e tem um grande público de colecionadores.
É claro que este “filão” não passaria despercebido aos olhos de alguns espertinhos e artistas amadores que viram uma forma de distorcer  a coisa e usá-la a seu proveito, hoje infelizmente vemos o Ebay, sites e blog inundados de artes produzidas por amadores com artes muitas vezes muito mal desenhadas e em sua maioria “copiadas” de artes originais de outros artistas sendo vendidas sob a alcunha de "Comissions".

É claro que o colecionador mais atento e esclarecido não irá cair facilmente nessa cilada, mas já há dezenas de casos de denúncias nos sites de compras de obras xerocadas, copiadas e de procedência duvidosa em toda a internet.
Para um primeiro esclarecimento o dono e comerciante de artes originais Andrew Donney, responsável pelo site KochComicArt esclarece:

- “Para começar toda “Comission” é obrigatoriamente uma arte realizada por uma artista profissional que tenha publicado em editoras e canais de grande demanda e conhecido do público, essa diferença é importante porque no caso das Comissions o fato de o cliente ter algo “físico” do artista que ele tanto gosta é mais importante até que a arte realizada em si e é em suma, a finalidade da Comission!
Sendo dessa forma, não há razão de ser de alguém que não tenha publicado algo e não seja conhecido chame sua arte de “Comission” , ela pode receber qualquer outro nome menos de “Comission” como é usada nos termos de mercado que conhecemos,
Os Amadores utilizam o termo para tentar em vão acrescentar “importância” ou "valor" ao seu trabalho, o que além de errado é em certa forma uma falta de ética profissional, pois certa parcela do público que está se iniciando a colecionar artes originais, pode ser ludibriado achando estar comprando arte de um profissional.” 

Perguntado sobre a comercialização livre de artes de amadores em sites como Ebay, Andrew ainda cita:
- “A venda de artes feitas à mão é livre, isso é um direito das pessoas, mas o que não se pode permitir é que a maioria delas ponha a venda artes copiadas ou mal feitas e muitas vezes a preços ínfimos ao público, e sobretudo usando o termo de “Comission” , isso é uma falta de respeito ao trabalho de profissionais que levaram anos construindo uma carreira”.

Portanto aos colecionadores salienta-se a importância de ficarem atentos ao adquirirem artes originais sobretudo verificando se o artista em si é alguém do ramo e é conhecido e a procedência do local que esta vendendo estes itens, e aos artistas iniciantes observarem outros modos de oferecerem suas artes e sobretudo serem honestos, lembrando-se que uma vez “queimado” seu nome no mercado, jamais se recupera a confiabilidade... 

2 comentários:

  1. Essa é a noção mais mesquinha que já vi acerca de comissões. Como se pra fazer comissões você precisasse ser famoso e importante. Comissão atualmente é a base de trabalho de muitos artistas iniciantes e vejo este texto apenas como uma tentativa de desmerecer o trabalho destes jovens desenhistas.

    ResponderExcluir
  2. Vinicius a. Oliveira ( autor do texto)19 de junho de 2017 07:35

    Caro Anônimo, pela sua mensagem eu descobri seu número de IP e identifiquei de quem é (não é mesmo L.L?), mas em respeito a vc não vou divulgar sua identidade, pra começar se sua opinião fosse válida você não teria a necessidade de se esconder para colocá-la não é mesmo?
    Em primeiro lugar se voce acha o Mercado de Comission e seus fãs de mesquinhos diga a eles, essas regras existem desde que esse mercado lá nasceu, não sou eu quem inventou-as, alías tem certeza que leu o texto? Outra coisa: a base PRINCIPAL para um trabalhos ser Comission é a vontade de um fã e ter um original do artista que admira, nos EUA é assim e nehum artista reclama se seguir as regras, mas o brasileiro parece ter essa péssima tendência de sempre dr seu jeitinho por baixo dos panos o que deve ser seu caso, voce parece ser o caso do artista arrogante que quer pular etapas e se achar um grande artista, forçando as pessoas a aceitarem qualquer rabisco como sendo um Comission, hoje em dia muitos aventureiros e rabiscadores se colocam a fazer qualquer arte e jogar nos Mercados Livres e Ebays da vida querendo passá-las como artes de profissionais o que prejudica em muito o Mercado e afasta os potenciais compradores, sugiro à você que conheça o mercado e como ele funciona pra depois querer discutir os temas e não precisar se esconder em perfis anônimos ok? Todo nicho de mercado tem suas regras, quem não quizer seguir que arrume outra atividade.

    ResponderExcluir